Benzedeira - Festival Olhar do Norte

21 a 24
JAN | 2022
Teatro Amazonas

 

Acesse sua conta ou cadastre-se para visualizar.

Entrar / Cadastrar

Indisponível

Este filme não está mais em cartaz.

Benzedeira

Ver Trailer

Entre no grupo de discussão | Horários: Não possui | Ferramenta:

Entrar

O curta imerge no universo da benzedeira Maria do Bairro que escolheu o silêncio para dividir a sabedoria que lhe foi confiada. Esta ciência da natureza se esconde ao longe em uma ilha na comunidade do Tamatateua, interior do município de Bragança. Manoel Amorim, conhecido como Maria do Bairro, o preto conhecedor de ervas e benzedor, se dedica à cura do corpo e da alma de quem a procura. O saber que a habita não vem do achismo, mas sim da vivência e resistência direta com a natureza, seus espíritos e filosofia.

San Marcelo - Roteiro/Direção/Câmera/Diretor de Fotografia/Drone/Montagem
Pedro Olaia - Diretor/Produtor
Claudio Castro - Gaffer/Assistente de Câmera
Romão Gomes – Produtor de Set/Personagem 1
Cecília Nascimento – Produtora Executiva
Raquel Leite – Produtora/Câmera


Uma produção SAPUCAIA FILMES

MINIBIO SAN MARCELO:
Bragantino, Mestre em Linguagens e Saberes na Amazônia – PPLSA/UFPA, com estudos em Narrativa Visual, cinema na Amazônia e imagem. Associado a Associação Brasileira de Autores Roteiristas – ABRA e membro da Associação Brasileira de Cinematografia (ABC). DRT - 0004791/RJ – operador de câmera. É Diretor de Fotografia na Sapucaia Filmes e Coordenador geral do Festival Curta Bragança. Entre os projetos relevantes, deve-se citar curta documental “Tons Bicentenário” (2014) que participou de vários festivais e foi Menção Honrosa na II Mostra Curta Pará de Cinema em 2016, Série Documental Amazônia Tantan (2017-2019) atuando como câmera e montagem/finalização. Diretor/Diretor de Fotografia e roteirista no curta “Assustado” (2020), Roteiro, Direção de Fotografia e Direção Geral da Série Documental “Saber Bragança” (2021), Roteiro, Direção e Direção de Fotografia dos curtas “Bragança: a cidade e o trem” e “Madá” (2021).

FILMOGRAFIA
"Tons Bicentenário" 2014 (Menção Honrosa no II Mostra Curta Pará)
"Inclusão Social e Produtiva dos Catadores de Materiais Recicláveis através da gestão de resíduos domésticos." 2019
"Assustado" 2020
Fotografia Adicional no documentário “A Mãe de todas as Lutas” 2021 de Susanna Lira.
"A pandemia e os conflitos no Território do Jambuaçu" 2021
"Série Documental Saber Bragança" 2021 – com cinco episódios
“Benzedeira” 2021 (Melhor Curta Documentário no Festival de Cinema Tarrafa e Semifinalista do Prêmio ABC de cinematografia na categoria melhor fotografia de curta-metragem)
“Bragança: a cidade e o trem” 2021
"Madá" 2021

Site: www.sanmarcelodop.com

MINIBIO PEDRO OLAIA
Pedro Olaia é ator, performer, articulador cultural, graduado em Eng. Elétrica e Matemática, mestre em Linguagens e Saberes na Amazonia UFPA, prof. de Matemática pela rede estadual de ensino, mora em Bragança e é parceiro da Casa da Mata (Camuta), Centro Cultural Maria do Bairro (Tamatateua), ARQUIA (Quilombo do America) e participa do coletivo artistico Cbokètykas. Desenvolve trabalhos audiovisuais em parceria com a Sapucaia Filmes como ator, produtor, plat? e codiretor. Dirigiu três episódios da Websérie “Saber Bragança”.

Já disponível: